Pré-carregamento

Siga em frente, olhe para o lado‚Ķūüé∂ūüéĶ

Siga em frente, olhe para o lado‚Ķūüé∂ūüéĶ

Como a Carreta Furac√£o se tornou um fen√īmeno por todo o Brasil?

Meados de 2015, um vídeo de qualidade baixa surge no YouTube de pessoas fantasiadas como personagens dançando ao redor de uma carreta. Um deles, vestido de Popeye, corre pela rua à noite, até ser surpreendido por um ciclista, enquanto Fofão pula por uma parede ao lado e Patati observa a cena.

No momento do impacto, quando o ciclista se choca com Popeye, a voz de Chester Bennington estoura o √°udio cantando o refr√£o de Numb, da banda Linkin Park, supostamente a segunda m√ļsica mais triste do grupo. 

√Č o que o t√≠tulo diz, ao menos (qual seria a primeira? Ningu√©m sabe, √© subjetivo, um dos grandes mist√©rios da humanidade).

Para entender tudo isso, você teria que estar lá.

Como diria Aslan de As Cr√īnicas de N√°rnia: ‚Äún√£o cite a magia profunda para mim, Feiticeira. Eu estava l√° quando ela foi criada.‚ÄĚ

Muitos já devem estar confusos com essa introdução, mas é preciso estar em um certo tipo de espírito para entender o sucesso estrondoso da Carreta Furacão.

N√£o parece ser t√£o complicado entender, afinal, s√£o pessoas fantasiadas de personagens dan√ßando e pulando ao redor de uma carreta. √Č algo que √© imediatamente engra√ßado para adultos e animador para crian√ßas.

Mas a cultura de memes da década de 2010 foi inegavelmente responsável pela popularização maior desses artistas, é o que trouxe eles para o Brasil inteiro.

E entender a cultura dos memes é um pouco complicado, é preciso de certa bagagem.

Se liga no mesti√ßo na batida do cavaco 

A Carreta Furac√£o surgiu em Ribeir√£o Preto – SP, √© parte do que chamam de ‚Äútrenzinho da alegria‚ÄĚ, que √© uma performance de rua em que dan√ßarinos se fantasiam de personagens em volta de uma carreta que passeia pela cidade. 

Originalmente fundada em 2007 pelo casal Wellington e Fabiana Cardoni, vale dizer que eles não foram os primeiros a fazer essa modalidade de atração, os trenzinhos da alegria já faziam parte da cultura de Ribeirão Preto há muito tempo, mas hoje em dia certamente são os mais famosos.

A Carreta Furac√£o teve sua primeira grande exposi√ß√£o pelo v√≠deo ‚ÄúTrenzinho Carreta Furac√£o‚ÄĚ, postado no YouTube em agosto de 2010, conquistando atualmente 15 milh√Ķes de visualiza√ß√Ķes.

As origens da Carreta

O v√≠deo fez bastante sucesso e logo foram chamados para diversos programas de TV, como P√Ęnico na TV, Eliana e Os Legend√°rios com Marcos Mion. 

Mas foi por cerca de 2013 a 2016 que tiveram sua popularidade alavancada por memes em p√°ginas da internet e nas redes sociais.

Mas por que Linkin Park?

Em 2015, dois v√≠deos circularam pela internet, um foi o j√° citado ‚ÄúPopeye atropelado por ciclista‚Ķ‚ÄĚ e outro foi ‚Äúsomewhere I belong Fof√£o pula o muro‚Ķ‚ÄĚ, ambos com montagens das dan√ßas (e acidentes) da Carreta ao som de m√ļsicas da banda Linkin Park.

Essa refer√™ncia √© antiga na cultura de memes, pois uma pr√°tica muito comum era fazer montagens de animes (anima√ß√Ķes japonesas) com m√ļsicas da banda, logo, a ideia era adaptar esse tipo de v√≠deo para algo um pouco mais ‚Äúbrasileiro.‚ÄĚ

Você certamente já deve ter se deparado com essas montagens no YouTube, especialmente se começou a visitar o site por cerca da segunda metade dos anos 2000.

A ‚Äúl√≥gica‚ÄĚ seria que a Carreta Furac√£o √© o nosso anime, e as dan√ßas e acidentes seriam as nossas batalhas.  

O humor, obviamente, √© totalmente nonsense e se baseia em diversas refer√™ncias, ou seja, √© o t√≠pico humor que conquistou as gera√ß√Ķes millennial e zoomer.

Ambos os v√≠deos pegaram uma audi√™ncia maior: os jovens e criadores de memes. Logo a Carreta Furac√£o se tornou um fen√īmeno reconhecido em todos os cantos do pa√≠s.

A Carreta Furacão parece ter abraçado os memes, e isso fez deles mais populares ainda.

Subindo o muro

Apesar de fazer parte da cultura de Ribeir√£o Preto, logo os ‚Äútrenzinhos da alegria‚ÄĚ come√ßaram a surgir por todo o Brasil, inspirados pela popularidade da Carreta Furac√£o.

A Carreta tamb√©m entrou em turn√™s por todo o pa√≠s, oferecendo divers√£o, anima√ß√£o e polui√ß√£o sonora por todos os lugares onde passam.   

Ou seja, onde h√° pessoas rindo dentro de uma carreta, m√ļsica alta, pessoas fantasiadas de personagens sambando e fazendo parkour, ciclistas prontos para atropelar esses dan√ßarinos e motoristas mal-humorados ao redor, √© sinal que um Trenzinho da Alegria est√° por perto

Sim, mais uma resenha de “O pequeno pr√≠ncipe”
Postou 9 fevereiro 2024

Sim, mais uma resenha de “O pequeno pr√≠ncipe”

Para quem quiser escutar a recomendação do André, ele mandou um áudio falando dessa obra tão importante em sua vida, que você pode ouvir abaixo. E para os outros que preferem ler, segue o texto transcrito: O pequeno príncipe é meu livro favorito, e talvez ele para sempre...

LEIA MAIS
Pinterest Store?
Postou 9 fevereiro 2024

Pinterest Store?

Seriam as plataformas virtuais as novas vitrines de lojas? Uma notícia recente chamou bastante a atenção, em que o Diretor de negócios do Pinterest, Rogério Nicolai, expressou o desejo da plataforma de tornar tudo comprável, afinal, usuários salvam milhares de fotos de itens, peças de...

LEIA MAIS
Fique por dentro!
Receba nossas √ļltimas novidades por email.
Fique por dentro!
Receba nossas √ļltimas novidades por email.
Você está inscrito!
Obrigado.
Obrigado.
Você está inscrito!
Envie isso para um amigo