Pré-carregamento

Expectativa vs. Realidade: Quando o produto final não condiz com a propaganda.

Expectativa vs. Realidade: Quando o produto final não condiz com a propaganda.

Há uma famosa cena no filme “Um Dia de Fúria” (1993), dirigido por Joel Schumacher e estrelado por Michael Douglas, em que o protagonista, já completamente surtado, aterroriza um McDonald’s por vender um Big Mac bem diferente do que é mostrado na propaganda.

Afinal, pela foto, o hambúrguer parece gigante, fotogênico, bonito, e muitas vezes o que você recebe não é nada como aparenta.

Expectativa vs. Realidade: Quando o produto final não condiz com a propaganda.

A cena icônica de Um Dia de Fúria (1993).

A pergunta que fica é: o quão responsável é o vendedor pela imagem que ele vende de seu produto?

Na maioria das vezes, é um caso de abordagem.

Em defesa do Big Mac

Se você vende alimentos ou bebidas, obviamente, o que você quer é deixar esse alimento desejável para os consumidores. 

Pense numa foto de pizza, seria mais realista apenas colocar uma foto estática e sem graça da pizza, mas é muito mais chamativo fazer um close do queijo derretido, e dos ingredientes deliciosos que fazem parte de sua composição.

Expectativa vs. Realidade: Quando o produto final não condiz com a propaganda.

A típica foto de pizza que você encontra em publicidade.

De certa forma, mesmo que a estética não seja exatamente correspondida com o produto, a sensação de comer uma pizza deliciosa continua igual, o sabor corresponde ao desejo do consumidor. 

É assim que McDonald’s e outras marcas de Fast Food conseguem se manter firmes sem reclamações de propaganda enganosa.

Mas isso não quer dizer que não existam propagandas enganosas.

Dirigindo a 10 km/h em uma fuga de carros

Um caso curioso ocorreu em 2011, quando o filme “Drive”, dirigido por Nicolas Winding Refn e estrelado por Ryan Gosling, chegou aos cinemas.

O trailer fazia o filme parecer uma obra de ação no mesmo estilo de “Velozes e Furiosos”, com manobras radicais e cenas eletrizantes. 

O trailer de Drive (2011) passou uma ideia errada do filme.

O filme, na verdade, é um drama/thriller bem lento e contemplativo, apesar de ter suas explosões de violência e ação. “Drive” era mais arthouse (um filme de arte) do que blockbuster (um filme popular).

O que aconteceu é que o filme levou um processo de uma expectadora descontente com o produto, o seu argumento foi o de que o trailer vendeu o filme de forma errada.

É discutível se isso foi o suficiente para levar na justiça, mas o ponto é que o trailer realmente fazia o filme parecer algo que ele não era.

É importante saber a abordagem que você precisa seguir com o seu produto, e pensar em como o seu público irá reagir. 

Era óbvio que alguns espectadores iriam se sentir enganados pela publicidade do filme, alguns até poderiam se surpreender positivamente, mas o consenso provavelmente seria negativo entre o público, que esperava outra abordagem.

E o mesmo ocorre com outros produtos, é sempre necessário ser sincero com o seu público, dar o produto que você vendeu, como você vendeu.

As melhores campanhas de Dia das Mães para você se inspirar!
Postou 6 maio 2024

As melhores campanhas de Dia das Mães para você se inspirar!

O conteúdo do Dia das Mães pode ser muito igual e genérico, espera-se que o amor de mãe seja tão grande que qualquer coisa acaba sendo aceita. Mas não é bem assim! Acreditamos que as mães do mundo todo merecem muito mais carinho e criatividade, apenas um bombom e um abraço não é o...

LEIA MAIS
Meta – Copia, só não faz igual
Postou 6 maio 2024

Meta – Copia, só não faz igual

Recentemente o Meta anunciou a possibilidade de colocar carrosséis nos reels do Instagram, uma função já disponível no TikTok. Como diria a expressão: “Quem não tem cão, caça com gato”. Isso se aplica muito bem no modo como o Meta (Facebook/Instagram) age com outras plataformas...

LEIA MAIS
Fique por dentro!
Receba nossas últimas novidades por email.
Fique por dentro!
Receba nossas últimas novidades por email.
Você está inscrito!
Obrigado.
Obrigado.
Você está inscrito!
Envie isso para um amigo